Total de visualizações de página

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

LUMMERTZ DESTACA ESTRATÉGIAS DE PROMOÇÃO INTERNACIONAL NA CÂMARA DOS DEPUTADOS

LUMMERTZ DESTACA ESTRATÉGIAS DE PROMOÇÃO INTERNACIONAL NA CÂMARA DOS DEPUTADOS Presidente da Embratur, Vinícius Lummertz, apresenta promoção do Brasil no exterior em evento da Comissão de Turismo da Câmara O presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), Vinícius Lummertz, esteve na manhã desta quarta-feira (23), na Câmara de Deputados para participar do seminário "Fomento do Turismo: Oportunidade de Desenvolvimento para o País". O seminário foi organizado pelos presidentes da Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados, Alex Manente (PPS-SP), e da Frente Parlamentar Mista, deputado Herculano Passos (PSD-SP), organizaram para marcar a Semana Mundial do Turismo, 21 até 27 de setembro. Participaram do encontro o minsitro do Turismo, Henrique Eduardo Alvez; os presidentes da Embratur, Vinícius Lummertz; da Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados, Alex Manente (PPS-SP); da Frente Parlamentar Mista, deputado Herculano Passos (PSD-SP); do Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo (Fornatur), Jaime Recena; e da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA), Alexandre Sampaio, além do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) “Temos mostrado ao mundo nossa competência para realizar grandes encontros, além dos avanços com uma infraestrutura mais moderna e preparada para receber visitantes estrangeiros. Com isso, obtemos um aumento progressivo no ingresso de turistas e divisas no país”, disse o presidente da Embratur. Em seu painel, ele falou sobre a promoção do Brasil no exterior e apresentou os legados para o turismo no Brasil. Segundo Lummertz, o Brasil está em processo de consolidação de uma nova imagem e posicionamento turístico no mercado internacional. “Somos reconhecidos como um dos principais destinos mundiais para realização de grandes eventos. País líder na América do Sul e um dos líderes no cenário turístico mundial”, destacou. Além disso, Lummertz apontou os resultados alcançados com o trabalho de promoção internacional do turismo brasileiro nos últimos anos. “Tivemos um crescimento de 20% na chegada de turistas estrageiros de 2005, com 5,3 milhões, a 2014, com 6,4 milhões de visitantes de fora. Já a entrada de divisas no País saltou de US$ 3,864 milhões, em 2005, para US$ 6,843 milhões em 2014, um crescimento de 77,1%”, ressaltou o presidente da Embratur. O ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, abriu o evento apresentando as estratégias para o fortalecimento do turismo no Brasil e reforçando ao presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), a importância do turismo para o desenvolvimento do país. Henrique Eduardo Alves solicitou o apoio de Cunha para votar, em regime de urgência, as pautas prioritárias do setor. “O turismo é um dos setores que podem gerar emprego e renda mais rapidamente, mas temos entraves que impedem que o setor se desenvolva. Por isso, é fundamental o apoio desta Casa para agilizar pautas que aguardam, votação”, afirmou Alves. Cunha se comprometeu em priorizar os temas do setor. “Com a alta do dólar, esse é o momento de fortalecer o turismo receptivo do Brasil e colocar em votação as propostas de incentivos fiscais para o setor”, concluiu o presidente da Câmara. Henrique Eduardo Alves destacou a oportunidade de desenvolver o turismo doméstico diante da alta do dólar. “Vamos transformar a crise em oportunidade. Uma pesquisa no mês passado mostrou que, entre os brasileiros que pretendem viajar nos próximos meses, 78% escolheram destinos nacionais. É a vez do Brasil”. Participaram também do seminário os presidentes do Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo (Fornatur), Jaime Recena; e da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA), Alexandre Sampaio.

Nenhum comentário: