Total de visualizações de página

quarta-feira, 7 de maio de 2014

Chile participa da Travelweek São Paulo e se aproxima do viajante de luxo brasileiro

 Um conceito inovador que antecipa as mais recentes tendências de viagens no segmento de luxo e com a presença de marcas de alto padrão do turismo entre os cinco continentes. Assim é a Travelweek São Paulo - feira em que o Turismo do Chile participa pela primeira vez com o objetivo de aproximar-se deste importante setor no mercado brasileiro.

De acordo com operadoras e agentes de viagens, o Chile tem muitos destinos para crescer no segmento de luxo, tanto no mercado brasileiro como por toda a América Latina. Daí a importância de participar da Travelweek São Paulo, mostrando também a nova marca do Turismo do Chile com seu conceito rústico com sofisticação.

Andrea Wolleter, Gerente Geral do Turismo do Chile- instituição responsável pela promoção do turismo internacional garante: “Esta é a primeira vez que estamos participando da Travelweek São Paulo e que nos permite, além de mostrar o País como um destino exótico e de luxo, poder participar de uma rede de serviços de maneira direta, com profissionais, consultores de viagens especializados e fornecedores de todas as regiões do planeta”.

A Travelweek São Paulo ocorre entre os dias 06 e 09 de maio e tem como cenário o Pavilhão da Bienal, projeto do renomado arquiteto Oscar Niemeyer no Parque do Ibirapuera. O evento conta a presença de agentes de viagens, compradores, operadoras, clientes finais do Brasil e da América Latina e imprensa especializada.

A Delegação do Chile estará composta pelos hotéis Explora, Alto Atacama, Hyatt, W, The Singular e a Viña VIK Millahue.

Sobre o Turismo do Chile
Uma corporação voltada à promoção turística do Chile em diferentes partes do mundo. Busca fornecer aos turistas as informações necessárias para a perfeita estadia, entretenimento e diversão no País, com dados gerais desde os serviços de hospedagem, gastronomia, até esportes e as principais atrações culturais. Atualmente reforça os investimentos promocionais em seus mercados estratégicos, como no Brasil, cujo montante chegará ao total de USD 2 milhões investidos em 2014, entre campanhas de mídia, patrocínio em eventos e participações em feiras. Para mais informações sobre Chile, acesse: http://whynot.chile.travel/

Nenhum comentário: