Total de visualizações de página

terça-feira, 23 de julho de 2013

CRISTO REDENTOR RECEBE TELÕES DA EMBRATUR PARA JMJ



Em parceria com o Instituto Jornada Mundial da Juventude, a Embratur cria a Central Digital de Informações no mais popular cartão postal do país

Para aproveitar a visibilidade que a visita do Papa Francisco proporcionará ao país durante a primeira Jornada Mundial da Juventude realizada em solo brasileiro, a Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) montou no Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, a Central Digital de Informações, onde foram instalados estrategicamente cinco painéis, com duas telas cada.

A ação inédita faz parte do acordo firmado entre a Embratur e a Arquidiocese do Rio, por meio do Instituto Jornada Mundial da Juventude. A Central Digital vai transmitir conteúdos sobre destinos turísticos brasileiros em sete idiomas. A história da cidade do Rio de Janeiro, primeira capital do país, será um dos temas veiculados. Como a Central é interativa, o visitante poderá escolher o ponto turístico que deseja ver nas telas.


Com o acordo firmado, a Embratur poderá realizar ações promocionais do Brasil no Cristo Redentor nos próximos dois anos. “O projeto é de interesse para o trabalho de promoção turística que a Embratur faz do Brasil para o público estrangeiro e seremos parceiros da Arquidiocese nessa grande ação”, disse Flávio Dino, presidente da Embratur.

Além da Central Digital, a Embratur está com outra ação na terra natal do Papa Francisco (Buenos Aires). Ao longo da Jornada, telões montados pelo Instituto na Praça San Martín, transmitirão os atos centrais da JMJ, no Rio, além de vídeos com conteúdos turísticos e documentários sobre o Brasil. A ação também prevê apresentações culturais de artistas argentinos e brasileiros, como Paulinho Moska, Zeca Baleiro, entre outros.

A programação na Argentina se estenderá até o dia 28 de julho, quando será exibida, ao vivo, a missa de encerramento, em Guaratiba, no estado do Rio de Janeiro.  Além disso, a Embratur montou um estande de 200 metros dedicado ao trabalho de promoção, divulgação do Brasil e reuniões com operadores de turismo local. São esperadas mais de seis mil pessoas por dia, durante todo a semana, em Buenos Aires. 

Jornada Mundial da Juventude

A última edição da Jornada Mundial da Juventude, em 2011, em Madri, atraiu mais de 2 milhões de pessoas de 190 países. Para o Rio de Janeiro, são esperadas 1,8 milhão de pessoas do mundo inteiro. “A Jornada vai fazer o Brasil ser ainda mais conhecido no mundo todo. Os jovens turistas que chegam ao país vão perceber que somos muito mais que sol e praia”, afirma o presidente da Embratur, Flávio Dino.

Segundo estudos da Embratur, a JMJ deve gerar impacto da ordem de R$ 1,2 bilhão na economia brasileira.  “Estamos falando de impacto direto e indireto. A Jornada vai movimentar hotéis, restaurantes, mas também a fábrica de velas, a fábrica de hóstia e a fábrica de sabonete”, exemplifica Dino.


Assessoria de Comunicação- Embratur

Nenhum comentário: