Total de visualizações de página

domingo, 10 de junho de 2012

VI CAVALGADA DA INTEGRAÇÃO JOÃO DURÉ CHEGA AO RN


 A chegada a Macaíba
 Fátima Pereira e esta jornalista colunista e blogueira
 A chegada dos cavaleiros

O idealizador da cavalgada, o médico José Mário Pacheco a Fátima Pereira
 O cavaleiro que vem todo ano da Bahia..
 Os cavaleiros engenheiros com suas botas que fizeram sucesso
 Olha aí a elegância do cavaleiro!
 Esta colunista jornalista, e mais Fátima Pereira e sua amiga Cristina do Rio de Janeiro
 Cavalgada com forró!
 Confraternização de amigos, Fátima Pereira, Ana, Jânio, Cristina e amigos
 Cavaleiros no parque na chegada a Macaíba.
 Os noivos e o alemão... na maior alegria
 Esta colunista  e Fátima Pereira
Os cavaleiros trocando idéias
 
Na chegada a Macaíba.

VI CAVALGADA DA INTEGRAÇÃO JOÃO DURÉ CHEGA AO RN

A VI Cavalgada da Integração João Duré, saiu de Itabaiana(PB) no dia 3 de junho, e chegou neste sábado (09) em  em Macaíba/RN, no parque de vaquejada Otaviano Pessoa . Durante o trajeto, a cavalgada realizou várias ações sociais, como distribuição de cabras e reprodutores para famílias de baixa renda. O idealizador do projeto, é o agropecuarista e médico José Mário Pacheco. A cavalgada passou por Serrinha, Lagoa das Pedras, lagoa Salgada e Vera Cruz .  Fazem parte do grupo amantes de cavalos, de diversas profissões, desde fazendeiros, médicos, engenheiros, dentistas, com cavaleiros da Paraíba, Natal, Bahia . A cavalgada  chega a começar com mais de 50 pessoas ,mas no decorrer do caminho uns ficam, outros saem e no final chega um determinado número de pessoas. Em Macaíba, no Parque de vaquejada Otaviano Pessoa, amigos e parentes de Natal e da Paraíba esperavam com banda de forró, drinks e petiscos, além de muita animação. O encontro acontece uma vez por ano e sempre é uma festa,  que se vê , uma verdadeira confraternização de encontros de amigos que se reencontram uma vez por ano,  onde cada um leva seus drinks, petiscos e cada um se veste como fica melhor. A bota bastante explorada bem como todos os apetrechos de um cavaleiro(a). Esta cavalgada, cada vez mais, vem atraindo novos adeptos para este público do turismo rural, pouco ainda explorado em Natal.

Nenhum comentário: