Total de visualizações de página

quarta-feira, 2 de abril de 2014

A Embratur conta com novos executivos que estão instalados em Buenos Aires e Nova York Os Escritórios Brasileiros de Turismo (EBTs) instalados em novembro do ano passado em Buenos Aires e Nova York passam a ser conduzidos por novos executivos. Na Argentina, Daniel Marques, especialista em Turismo, substitui Ney Humberto. Já nos Estados Unidos, Miguel Jeronimo assume no lugar de Paulo Henrique Camargo. “As substituições não implicam em mudança no trabalho desenvolvido junto aos agentes de viagem e operadores de turismo das duas regiões. Os EBTs vão dar continuidade às ações e intensificar essa relação, diversificando destinos e produtos brasileiros”, explica a diretoria de Mercados Internacionais da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), Leila Holsbach. O escritório chamado América do Sul I, com base em Buenos Aires, atende a Argentina, o Uruguai e o Chile. Os países estão entre os cinco maiores emissores de turistas para o Brasil. Eles ocupam respectivamente o 1º, 2º e 5º lugar no ranking de países prioritários para o Instituto. Os três juntos enviaram, em 2012, mais de 2,4 milhões de pessoas para o País. Na América do Norte I, que tem com base Nova York, o novo executivo atende também Flórida, Geórgia, Pensilvânia, Ohio, Massachusetts, Nova Jersey, Washington D.C, Michigan, Carolina do Norte, Virgínia, Indiana, Maryland, Carolina do Sul, Connecticut, Vermont, Delaware, Rhode Island, Maine, New Hampshire, Tennessee, Alabama, Kentucky e Virgínia Ocidental. “A meta estabelecida pela Embratur , em parceria com os responsáveis ​​pelos EBTs instalados em vários pontos estratégicos , é muito clara: chegar a 7,2 milhões de turistas em 2014”, destacou Holsbach. Conheça os novos executivos O trabalho do EBT, com sede em Buenos Aires, está a cargo do especialista em turismo Daniel Duarte Marques. Ele é pós-graduado em Turismo e Administração Pública e mestre em Auditoria e Controle e Mestrado em Turismo. Anteriormente, Daniel trabalhou nas secretarias estaduais de Turismo e de Esporte de Minas Gerais. O novo executivo da América do Norte I, Miguel Jeronimo, já atuou no Escritório Brasileiro de Turismo em Nova York de 2004 a 2011. Miguel tem licenciatura em Relações Internacionais e mestrado em Assuntos Políticos e Culturais. Antes de assumir o escritório, foi o 1º secretário na Missão Permanente de Portugal da Organização das Nações Unidas (ONU). Ele também atuou como executivo de Relações Externas do Setor Financeiro para o Programa de Desenvolvimento das Nações Unidas (PNUD), auxiliando em questões logísticas, incluindo a habitação, informações turísticas e outras funções relacionadas em Nova York.



Os Escritórios Brasileiros de Turismo (EBTs) instalados em novembro do ano passado em Buenos Aires e Nova York passam a ser conduzidos por novos executivos. Na Argentina, Daniel Marques, especialista em Turismo, substitui Ney Humberto. Já nos Estados Unidos, Miguel Jeronimo assume no lugar de Paulo Henrique Camargo.

“As substituições não implicam em mudança no trabalho desenvolvido junto aos agentes de viagem e operadores de turismo das duas regiões. Os EBTs vão dar continuidade às ações e intensificar essa relação, diversificando destinos e produtos brasileiros”, explica a diretoria de Mercados Internacionais da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), Leila Holsbach.

O escritório chamado América do Sul I, com base em Buenos Aires, atende a Argentina, o Uruguai e o Chile. Os países estão entre os cinco maiores emissores de turistas para o Brasil. Eles ocupam respectivamente o 1º, 2º e 5º lugar no ranking de países prioritários para o Instituto. Os três juntos enviaram, em 2012, mais de 2,4 milhões de pessoas para o País.

Na América do Norte I, que tem com base Nova York, o novo executivo atende também Flórida, Geórgia, Pensilvânia, Ohio, Massachusetts, Nova Jersey, Washington D.C, Michigan, Carolina do Norte, Virgínia, Indiana, Maryland, Carolina do Sul, Connecticut, Vermont, Delaware, Rhode Island, Maine, New Hampshire, Tennessee, Alabama, Kentucky e Virgínia Ocidental.

“A meta estabelecida pela Embratur , em parceria com os responsáveis ​​pelos EBTs instalados em vários pontos estratégicos , é muito clara: chegar a 7,2 milhões de turistas em 2014”, destacou Holsbach.

Conheça os novos executivos

O trabalho do EBT, com sede em Buenos Aires, está a cargo do especialista em turismo Daniel Duarte Marques. Ele é pós-graduado em Turismo e Administração Pública e mestre em Auditoria e Controle e Mestrado em Turismo. Anteriormente, Daniel trabalhou nas secretarias estaduais de Turismo e de Esporte de Minas Gerais.

O novo executivo da América do Norte I, Miguel Jeronimo, já atuou no Escritório Brasileiro de Turismo em Nova York de 2004 a 2011. Miguel tem licenciatura em Relações Internacionais e mestrado em Assuntos Políticos e Culturais. Antes de assumir o escritório, foi o 1º secretário na Missão Permanente de Portugal da Organização das Nações Unidas (ONU). Ele também atuou como executivo de Relações Externas do Setor Financeiro para o Programa de Desenvolvimento das Nações Unidas (PNUD), auxiliando em questões logísticas, incluindo a habitação, informações turísticas e outras funções relacionadas em Nova York. 
 

Nenhum comentário: