Total de visualizações de página

domingo, 19 de janeiro de 2014

Obra de acesso ao Aeroporto de São Gonçalo do Amarante atinge 30%


fotos: Canindé Soares
Há 50 dias, o Governo do Estado, por meio do Departamento de Estradas e Rodagens (DER), começou o trabalho de construção da obra dos dois acessos ao futuro aeroporto de São Gonçalo do Amarante, o primeiro a ser erguido pela iniciativa privada no Brasil que já está 80% pronto e teve as pistas de pouso e decolagem entregues em dezembro.
O acesso Norte ao aeroporto, que será entregue no final de março, tem 11 quilômetros, dos quais seis são na própria BR 406 em trecho que está sendo duplicado (a chamada Via Metropolitana) e outros cinco quilômetros ligando a BR 406 ao aeroporto. Essa parte já está 25% concluída.
A obra já passou da fase de desmatamentos e cercamentos, terraplanagem (ambas concluídas nos dois acessos) e pavimentação, e está sendo executada por cerca de 120 máquinas e 200 operários. “Os prazos estão mantidos e a população pode ter a garantia de que os acessos serão entregues pelo Governo do Estado junto com o novo aeroporto”, declarou o Secretário Extraordinário da Copa e diretor do DER, Demétrio Torres.
O acesso Sul, que tem 17 quilômetros de extensão, está 7% concluído, será entregue no final de maio, e ligará o aeroporto à BR 304, na altura de Macaíba, e daí a BR 101. Essa obra tem um ritmo mais lento por causa das desapropriações de terras e da extensão.
A obra dos acessos ao novo aeroporto de São Gonçalo do Amarante tem um custo de R$ 73 milhões, executada com recursos obtidos por meio de um financiamento do Governo do Estado junto à Caixa Econômica Federal.
No projeto original, orçado em R$ 7 milhões, só havia um acesso, o Norte, pelo bairro de Igapó, na Zona Norte de Natal. A Governadora Rosalba Ciarlini levou um novo projeto à ministra Miram Belchior e conseguiu aprovar o segundo acesso. “Era inconcebível que um aeroporto desse porte, com sistema de carga e de passageiro, não tivesse uma ligação com o interior do RN, pela BR 304, e depois a BR 101”, lembra a Governadora.

Nenhum comentário: