Total de visualizações de página

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Estudos apontam crescente valorização do agente de viagens


Pesquisas divulgadas pela PhoCusWright e Forrester Research apontam expressivo crescimento dos viajantes que optam por consultar um agente de viagens em detrimento da compra direta. O extenso conhecimento sobre destinos e roteiros turísticos, aliado ao atendimento personalizado, vêm alavancando a imagem deste profissional, sobretudo em uma era marcada pela impessoalidade do ambiente online. 
A valorização da atividade desempenhada pelo agente de viagens está relacionada à agilidade com que realizam todos os procedimentos, evitando horas de busca na internet no que diz respeito à escolha de meios de hospedagem, restaurantes, locação de automóveis e compra de passagens aéreas, por exemplo.
Os estudos também apontaram que a conscientização de que o agente de viagens trabalha com as melhores tarifas por estar em contato direto com os diversos fornecedores da cadeia produtiva do setor, bem como o fato de que os consumidores podem contar com assistência integral em caso de imprevistos, tais como perda de voo ou cancelamento de viagem, são algumas das principais razões que vêm desmotivando a compra direta.
“É cada vez mais evidente a importância da capacitação do agente de viagens, de cujo atendimento de qualidade depende a satisfação dos consumidores e, por consequência, o grau de importância atribuído ao nosso trabalho. Com base neste cenário, cresce a responsabilidade do ICCABAV, que promove, em média, 20 cursos por mês e permite identificar os pontos fracos no que tange ao know-how dos profissionais que atuam no setor”, afirma Ana Carolina Medeiros, vice-presidente de Capacitação e Certificação da ABAV. 

Nenhum comentário: