Total de visualizações de página

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

PROMOÇÃO DE TURISMO DE EVENTOS TERÁ R$ 2,7 MILHÕES



Em 1º edital do Programa de Apoio à Captação e Promoção de Eventos neste ano, a Embratur recebeu 27 propostas que estão em fase de análise

Para consolidar o Brasil como um dos maiores receptores de eventos do mundo, a Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) abriu edital de chamamento público no valor de R$ 2,7 milhões para que órgãos públicos e associações sem fins lucrativos realizem ações de promoção na área de turismo de eventos. As inscrições encerraram-se no dia 31 de julho e foram apresentadas 27 propostas, vindas de vários estados, que totalizaram R$ 6,4 milhões. As ações de captação ou de promoção deverão ocorrer no período de agosto de 2013 a fevereiro de 2014.

“O Comitê Técnico da Embratur está analisando as propostas que poderão receber recurso financeiro para a execução de ações de Apoio à Captação e Promoção de Eventos Internacionais, como congressos, convenções, oficinas, fóruns, seminários, simpósios, assembleias e eventos esportivos. A previsão é que o resultado saia no dia 20 de agosto”, explicou Katia Bitencourt, chefe de gabinete da Presidência da Embratur.

Segundo dados da última Demanda Turística Internacional (2011), o segmento de negócios, eventos e convenções corresponde a 25,6% do motivo da vinda de estrangeiros para o país. Dentre os principais objetivos do Programa, está o fomento do turismo de negócios e eventos, consolidação do Brasil como destino sede de eventos, além de preparar o país para os megaeventos esportivos.

De acordo com Kátia, o edital deve incrementar os resultados do programa, realizado no mesmo formato, em 2012. “O Brasil teve o 5º maior crescimento na captação de eventos internacionais no ano passado, na comparação com 2011. É o que aponta levantamento pela ICCA (International Congress & Convention Association), mostrando que o Brasil subiu de 304 para 360 eventos internacionais o ano passado”, disse.

“Além da grande movimentação financeira gerada pela presença dos visitantes internacionais nos eventos, o país se beneficia em aspectos muitas vezes incalculáveis, referentes à construção da imagem e aos avanços propostos com a realização destes eventos”, completou.

Para ações de captação, o valor disponível é de R$ 1,2 milhão. Já para ações de promoção, o valor será de R$ 1,5 milhão, totalizando os R$ 2,7 milhões. Os valores máximos para as propostas são de até R$ 125 mil para ações de apoio à captação e até R$ 150 mil para ações de apoio à promoção.

Nenhum comentário: